30 julho, 2009

Amar é...


Amar é

dar provas e não testar
edificar sem derrubar
ter e não exigir,

é alimentar o conseguido
preservar o já vivido
nada dando por conquistado.

Amar é

ser incondicional
independentemente do mal
que na vida pode arrastar,

é apoiar sem reservas
mesmo que nas trevas
ás vezes nos faça andar.

Amar é

acrescentar sem subtrair
ser leal e não trair
mesmo num mundo sem valores,

é estar sempre apaixonado
viver a vida empenhado
em demonstrar carinho e afecto.

Amar é sobretudo
ser macio como o veludo
e leve como uma flor,

é apesar e acima de tudo
conseguir sem sufocar
o fazer sentir o outro
o significado da palavra amar.

Poema dedicado ao meu marido, com quem venho de completar 12 anos de casamento.
Séfora R. para Solitário.

1 comentário:

Wanda disse...

Olá!
"Há vários motivos para não se amar uma pessoa e um só para amá-la."
- Carlos Drummond de Andrade

Aceitar o outro como é, sem querer modificá-lo, é a maior prova de amor.

Eu tenho mais de 35 anos de casamento, meus pais estiveram casados por 62 anos, até a morte de meu pai neste ano.Com 12 anos de casamento, Séfora, você está ainda em lua de mel!

A foto singela e suave emoldura muito bem o poema.
Abraço
Wanda